Blogs Cabo de aço Controle-remoto Sensor fim de curso Intertravamento Porca Acionadora Central de portão

Central de Portão Eletrônico

MUNDO DOS PORTÕES - Rua Santa Marcelina, 836
CNPJ: 24.912.069/0001-50
Agendar: (11) 2748-7761 Emergências: (11) 99849-4795

Você está na seção

SERVIÇOS MANUTENÇÃO DE PORTÃO ELETRÔNICO

O 'Cérebro' de um automatizador é a sua central eletrônica que fica ligada 24 horas por dia esperando um acionamento via controle remoto ou via botoeira para obedecer a um comando de abrir ou fechar o portão automático e mesmo enquanto está a executar um comando de abertura aguardará o acionamento do sensor final de curso e ainda vai contabilizar o tempo de abertura para desligar o motor caso atinja o tempo máximo configurado inicialmente e desta forma evitando a queima do motor e outros componentes no caso de sensor fim de curso abre vir a falhar ou deixar de funcionar.

No fechamento além de colocar o motor para fechar ainda ficará aguardando o acionamento do sensor fim de curso fecha, além de ficar verificando em tempo real se houve acionamento do sensor fotocélula e também a contabilidade de tempo no caso de vir a falhar ou deixar de funcionar o sensor fim de curso fecha, evitando danos desativando após o tempo programado na configuração inicial quando foi instalada a central eletrônica do portão automático.

No geral, há no mercado três tipos de centrais eletrônicas, as mais simples de uso residenciais com recurso de rampa (desaceleração próximos aos finais de cuso) para portões deslizantes, pois desta forma o portão não choca com o batente e sem rampa para portões basculantes. O segundo tipo são as centrais com contatoras, elas possuem estas contatoras para que possam suportar correntes maiores ou ligações tri-fásicas. O terceiro tipo de central eletrônica são as inversoras de frequências, estas transformam a energia da entrada (110/220 Volts) em corrente contínua e posteriormente fazem a inversão de frequência para acelerar/desacelerar o automatizador, algumas contam ainda com sistema de encoder que contabiliza quantas revoluções o eixo do motor faz para concluir todo o seu percurso e desta forma, mesmo que o sensor final de curso falhar ou deixar de funcionar ou ainda se o imã que aciona os tais sensores vierem a cair a central ainda vai desacelerar no momento certo e desligar exatamente aonde tem que fazê-lo.

Compartilhe este conteúdo Compartilhamentos do conteúdo desta página com midias sociais

Compartilhando este conteúdo com seus contatos, é uma forma de você ajudar quem precisa.

Por WhatsApp você nem precisará ter o contato na agenda de seu celular, bastará preencher os campos DDD e N° do celular, tocar no logo do WhatsApp, depois no botão ENVIAR, inclusive poderá enviar para seu próprio número.

DDD Celular: PrepararCompatilhe pelo whatsapp

Centrais eletrônicas


Manobras da concessionária

Algumas manobras que as empresas de distribuição de energia fazem, principalmente quando instalam novos transformadores podem ocasionar danos como visto na imagem abaixo ↓

imagem monstrando a entrada de energia danificada

É importante fotografar o estado da central do portão eletrônico para que numa recusa de ressarcimento ao consumidor da instalação possa ter provas do ocorrido e assim poder ingressar nos juizado de pequenas causas.

Queda de raios

Assim como no exemplo anterior quando ocorre quedas de raios ou relâmpagos na rede de distribuição de energia o dano na entrada de energia da central de portão é certo.

Centrais danificadas por queda de raios

Por mais que se tente reparar a central eletrônica do portão automático fica inviável quando as trilhas da central são totalmente carbonizadas.

Insetos

Muitas vezes insetos resolvem fazer seus ninhos no interior das caixas acondicionadoras das centrais de portões eletrônicos o que acaba ocorrendo curtos circuítos e danificando a central eletrônica do portão automático.

óvulos de insetos em central de portão.

Vale lembrar que não deve-se colocar veneno para formigas, pois em sua composição há açucar que é utlizado como transporte para as formigas operárias levarem o veneno até a formiga rainha, então desta forma ao aplicar o referido veneno automaticamente estará aumentando as chances de aparecerem mais insetos, sendo o recomendado utilizar o repelente para insetos.

Quando ocorre um pico de energia, seja pela oscilação da tensão ou pelo retorno da energia após uma interrupção ou quedas de raios ou relâmpagos os aparelhos eletroeletrônicos podem queimar. Caso ocorra esse dano ao equipamento, o consumidor tem o direito de solicitar o ressarcimento, que consiste no conserto ou substituição do equipamento danificado, ou ainda no pagamento do valor equivalente para o próprio consumidor fazê-lo.

Em algumas situações a concessionária exige documentos como laudos técnicos, números de série do equipamento danificado entre outras solicitações impossíveis de conseguir, vale lembrar que o ônus da prova pertence a empresa concessionária e não ao consumidor. Tais empresas até tentam desqualificar a relação de consumo existente, neste caso o caminho será as vias judiciais pelo juizado de pequenas causas aonde o consumidor não precisa de advogado e se perder a causa não precisará arcar com os custos do processo.

Sobrou alguma dúvida? Participe de nosso blog

Nome:

E-mail:

Sua mensagem:

Mensagens postadas:

    Nenhum post
Mundo dos Portões - Telefones: (11) 2748-7761 (11) 99849-4795 - CNPJ 24.912.069/0001-50 Rua Santa Marcelina, 836 CEP: 08270-070 São Paulo-SP