PPA

Central facility


conserto de portão facility ppa

Principais Características

1. Sistema de Fim de Curso Digital / Analógico.

2. Módulo receptor RF 433,92MHz.

3. Code learning até 160 transmissores diferentes e independentes dos botões.

4. Memorização automática do percurso.

5. Seleção do modo automático ou semi-automático, através do transmissor.

6. Programação do tempo de pausa para fechamento automático, através do transmissor (máximo = 4,0 min).

7. Ajuste da embreagem eletrônica (força), através do transmissor.

8. Comando para apagar todos os transmissores, através do transmissor.

9. Comando para configurar a central (padrão de fábrica), pelo transmissor.

10. Interface serial RS-485 para automatizadores pivotantes e controle de acesso com PC (Central de Comando Serial).

Observações importantes

1. Após a instalação da central no automatizador, é necessária a memorização de percurso para o correto funcionamento.

2. Sempre que a central for ligada (primeiro comando após queda de energia), o motor será ligado (modo torque pulsante) para abertura até encontrar o stop mecânico de abertura. Após isso, o funcionamento será normal.

3. Sempre que for necessário inverter a rotação do motor (fios preto e vermelho), a central deverá ser desligada. Depois do primeiro comando após religá-la, o procedimento de funcionamento será idêntico ao tópico anterior (não é necessário inverter a posição do encoder, pois a central corrige a posição automaticamente). A inversão do sentido de rotação do motor se faz necessária para adequar o funcionamento da central à posição do portão. A não observação deste item pode acarretar funcionamento inadequado do automatizador, invertendo a lógica de funcionamento para comandos e fotocélula.

4. Quando memorizando o percurso ou próximo do fim de curso, o motor estará funcionando em modo de torque pulsante (o motor fica pulsando, ou seja, ligando e desligando continuamente).

5. O tempo de pausa máximo é de 4 minutos.

6. Em equipamentos que estejam apresentando pouca força para aprender o percurso, devemos abortar o processo e entrar na programação para aumentar a força de torque pulsante na memorização (pressionar 8 vezes os 2 botões do transmissor).

7. Para realizar qualquer um dos passos de programação na central de comando, não existe a necessidade de gravarmos as duas teclas do transmissor. Apenas com uma das teclas gravadas, podemos acessar todas as funções da eletrônica.

Gravar Transmissores (controle remoto)

Permite gravar até 160 transmissores diferentes e independentes dos botões.

1. Fechar o jumper PROG. O led verde SN deverá ficar fracamente aceso.

2. Pressionar e manter o botão do transmissor apertado. O led verde SN deverá ficar piscando.

3. Pressionar e liberar o botão GRV. Verificar o led SN: Led SN pisca 1 vez: Gravou transmissor. Led SN pisca 2 vezes: Transmissor já gravado. Led SN pisca 3 vezes: Memória cheia.

4. Liberar botão do transmissor.

5. Para continuar a gravar demais transmissores, continuar a partir do passo 2.

6. Para finalizar, abrir o jumper PROG. Obs: No modo de usuário (jumper PROG aberto), a central não aceitará o comando do transmissor quando os 2 botões forem pressionados simultaneamente ou quando, no caso de transmissor com 3 botões, o botão central for pressionado.

PROGRAMAÇÃO AUTOMÁTICA DA CENTRAL (CICLO COMPLETO)

1. Fechar o jumper PROG. O led verde SN deverá ficar fracamente aceso.

2. Pressione, simultaneamente, uma única vez, os 2 botões do transmissor (gravado). Em seguida libere-os (o led SN pisca) e aguarde 5 segundos para a central entrar em modo de programação automática.

3. O portão fechará até encontrar o stop mecânico FCF (Fim de Curso de Fechamento) ou se ambos os botões do transmissor forem pressionados e liberados. Após 1 segundo, irá abrir memorizando o percurso até encontrar o stop mecânico FCA (Fim de Curso de Abertura) ou se ambos os botões do transmissor forem pressionados e liberados. Obs: Motor em modo de torque pulsante.

4. O led SN começa a piscar como um relógio, a cada 1 segundo e fica aguardando ser programado o modo Automático ou Semi-Automático.
Obs: Se forem pressionados e liberados ambos os botões do transmissor, o ajuste de pausa será cancelado e irá para o próximo passo, deixando gravado o último ajuste.
Modo Automático: Depois de aberto o portão, após o tempo de pausa programado, fechará automaticamente.
Para programar, pressionar e manter pressionado o botão direito do transmissor, contar os segundos pelo relógio para temporizar a pausa e em seguida liberar o botão.
Modo Semi-Automático: Depois de aberto o portão, será necessário outro comando para fechamento.
Para programar, pressionar e liberar o botão esquerdo do transmissor.

5. O portão começa a entrar em ciclo de fechamento e abertura continuamente e fica aguardando ser programada a força do motor (embreagem eletrônica).
Essa força deve ser verificada tentando-se segurar o portão.
Para diminuir ou aumentar a força exercida pelo motor deve-se proceder da seguinte forma:
Diminuir Força: Pressionar e liberar o botão esquerdo do transmissor e verificar novamente a força.
Se necessário, pressionar e liberar, pausadamente, o botão esquerdo até ajustá-lo como desejado.
Aumentar Força: Pressionar e liberar, pausadamente, o botão direito do transmissor para aumentar a força.
Obs: Neste estágio, o portão não chegará até o stop mecânico (abertura/ fechamento) e sim no ponto do curso onde existe a mudança de velocidade alta para baixa no processo de abertura e fechamento do portão.
Este ponto de transição é programável.
Ver o tópico de Ajuste do limite de fim de curso.

6. Quando a força desejada for selecionada, pressionar os dois botões do transmissor simultaneamente e em seguida libere-os, o motor será desligado e a força selecionada será gravada na memória.
Obs: Neste estágio se o jumper PROG for aberto, o motor será desligado e não gravará o ajuste de força, mantendo o registro anterior.

7. Para finalizar a programação automática, abrir o jumper PROG. Obs: A programação automática pode ser finalizada a qualquer momento do ciclo de configuração da central, apenas abrindo o jumper PROG.
Durante o processo de programação, somente o transmissor gravado na memória e que iniciou a programação consegue interferir/alterar os parâmetros da central.
Para alterar a programação da central com outro TX (controle remoto/transmissor) gravado, devemos reiniciar o processo de programação.

PROGRAMAÇÃO AUTOMÁTICA DA CENTRAL
(A PARTIR DO AJUSTE DE PAUSA)

1. Fechar o jumper PROG. O led verde SN deverá ficar fracamente aceso.

2. Pressionar e liberar, simultaneamente, os dois botões do transmissor (gravado) 2 vezes pausadamente.

O led SN pisca e aguarde 5 segundos para a central entrar em modo de programação automática (ver a partir do passo 4 do tópico Programação automática da central [Ciclo completo]).

APAGANDO TODOS OS TRANSMISSORES DA MEMÓRIA


1. Fechar o jumper PROG. O led verde SN deverá ficar fracamente aceso.

2. Pressionar e liberar, simultaneamente, os dois botões do transmissor (gravado) 3 vezes pausadamente. O led SN pisca e aguarde 5 segundos.

3. O led SN irá ficar aceso e aguardando a confirmação para exclusão dos transmissores ou cancelamento da operação.

Para cancelar operação: Pressionar e liberar o botão esquerdo do transmissor. O led SN apaga, voltando a ficar fraco.

Para apagar todos os transmissores: Pressionar e liberar o botão direito do transmissor.

O led SN pisca 3 vezes indicando que apagou todos os transmissores.

4. Abrir o jumper PROG

Ajuste da força do Torque Pulsante independente para abertura e fechamento

A central fica pulsando o motor, ou seja, fica desligando e ligando rapidamente de modo que tenha força em baixa rotação.

Dependendo do peso do portão, o torque deverá ser ajustado para movimentá-lo.

1. Fechar o jumper PROG. O led verde SN deverá ficar fracamente aceso.

2. Pressionar e liberar, simultaneamente, os dois botões do transmissor (gravado) 5 vezes pausadamente.

O led SN pisca e aguarde 5 segundos.

3. O led SN irá ficar apagado e aguardando a programação do ajuste da força torque pulsante.

4. Para ajustar a força do torque pulsante no ciclo de fechamento, deve-se pressionar e liberar o botão GRV (o led SN pisca 1 vez).

Caso o botão GRV não seja pressionado, o ajuste de força do torque pulsante será para o ciclo de abertura.

5. Ajustar a força e verificar o led SN:

Diminuir a força do torque pulsante: Pulsar o botão esquerdo do transmissor até encontrar o ajuste desejado.

Aumentar a força do torque pulsante: Pulsar o botão direito do transmissor até encontrar o ajuste desejado.

Finalizar a programação: Pressionar os botões esquerdo e direito do transmissor ou abrir jumper PROG.

Esta função possui até 23 níveis de ajuste: Led SN pisca lento 1 vez (2 seg.): força no mínimo.

Led SN pisca rápido: ajuste da força entre o mínimo e máximo.

Led SN pisca lento 1 vez (2 seg.): força no máximo

Ajuste do limite de fim de curso

O limite de fim de curso é a distância que falta para alcançar o stop mecânico, ou seja, a central fica monitorando a posição do portão continuamente e quando alcançar este limite, o modo de torque pulsante é ligado para reduzir a velocidade e encostar-se ao stop suavemente.

1. Fechar o jumper PROG. O led verde SN deverá ficar fracamente aceso.

2. Pressionar e liberar, simultaneamente, os dois botões do transmissor (gravado) 7 vezes pausadamente. O led SN pisca e aguarde 5 segundos.

3. O led SN irá ficar apagado e aguardando a programação do limite de fim de curso.

4. Ajustar o limite e verificar o led SN:

Diminuir a distância de fim de curso: Pulsar o botão esquerdo até encontrar o ajuste desejado.

Aumentar a distância de fim de curso: Pulsar o botão direito até encontrar o ajuste desejado.

Finalizar a programação: Pressionar os botões esquerdo e direito ou abrir jumper PROG.

Possui até 5 níveis de ajuste:
Led SN pisca lento 1 vez (2 seg.):
limite no mínimo. Led SN pisca rápido:
ajuste o limite entre o mínimo e máximo.
Led SN pisca lento 1 vez (2 seg.): limite no máximo.

Índice de ajuste do divisor: 04, 08, 16, 32 e 64.

Exemplo: Percurso memorizado pela central = 1000 pulsos. Limite fim de curso selecionado = divisor 04. Cálculo = 1000 pulsos/04 = 250 pulsos restantes.

Então quando faltar 250 pulsos para alcançar o stop mecânico, a central irá reduzir a velocidade em torque pulsante para o portão encostar suavemente no stop. Quanto maior o divisor, menor será a distância para redução da velocidade.

CONFIGURAÇÕES PADRÕES DE FÁBRICA

Força = máximo.

Fechamento = Semi-automático.

Tempo A/F = 120 seg.

Tempo do freio (abertura / fechamento) = 500 mseg.

Sistema de Fim de Curso Digital.

Limite de fim de curso = percurso/16

Recuo FCA = 2 pulsos.

Recuo FCF = 0 pulsos.

Força do torque pulsante (abertura) = nível 12.

Força do torque pulsante (fechamento) = nível 7.

Força do torque pulsante memorização (abertura) = nível 16.

Força do torque pulsante memorização (fechamento) = nível 10.

Percurso = 0

Para retomar as configurações padrões de fábrica:

1. Fechar o jumper PROG.

O led verde SN deverá ficar fracamente aceso.

2. Pressionar e liberar, simultaneamente, os 2 botões do transmissor (gravado) 4 vezes pausadamente. O led SN pisca e aguarde 5 segundos.

3. Após configurações de fábrica, o led SN irá piscar 4 vezes.

4. Abrir o jumper PROG. Obs: Após a programação do tópico Configurações padrões de fábrica, é necessária a memorização de percurso, caso contrário a central não irá funcionar (Sistema de Fim de Curso Digital).

Ajuste da força do Torque Pulsante independente para abertura e fechamento na memorização de percurso

Este tipo de ajuste é idêntico ao tópico Ajuste da força do Torque Pulsante independente para abertura e fechamento, mas é válido somente para a memorização de percurso (Pressionar os 2 botões do transmissor 8 vezes)

Tempo de acionamento do freio independente para abertura e fechamento

Este tipo de ajuste permite desligar ou temporizar o freio eletrônico.

1. Fechar o jumper PROG. O led verde SN deverá ficar fracamente aceso.

2. Pressionar e liberar, simultaneamente, os dois botões do transmissor (gravado) 9 vezes pausadamente.

O led SN pisca e aguarde 5 segundos.

3. O led SN irá ficar apagado e aguardando a programação da posição do fim de curso.

4. Para selecionar o ajuste do freio no fechamento, deve-se pressionar e liberar o botão GRV (o led SN pisca 1 vez).

Caso o Botão GRV não seja pressionado, o ajuste do freio será o de abertura.

5. Ajustando o freio:

Diminuir o tempo do freio (led SN pisca rápido) ou desligar (led SN pisca lento): Pulsar o botão esquerdo do transmissor até encontrar o ajuste desejado.

Aumentar o tempo do freio (led SN pisca rápido): Pulsar o botão direito do transmissor até encontrar o ajuste desejado.

Finalizar a programação: Pressionar os botões esquerdo e direito do transmissor ou abrir jumper PROG. Ajuste de até 11 pulsos.

Selecionando Sistema de Fim de Curso Digital ou Analógico

Permite selecionar o tipo de fim de curso, sendo Digital ou Analógico.

Se o portão estiver em movimento de abertura / fechamento ou temporizando para fechamento automático (Pausa), esta função será cancelada.

1. Portão parado e não temporizando para fechamento automático.

2. Manter o jumper PROG aberto.

3. Selecionar a opção do tipo de fim de curso pelo jumper FC:

FC Aberto: Analógico. FC Fechado: Digital.

4. Pressionar e liberar o botão GRV. O Led SN pisca 2 vezes (opção selecionada gravada).

5. Após pressionar e liberar o botão GRV, será necessário a memorização automática de percurso.

Caso contrário, a central não irá funcionar (Fim de Curso Digital) ou tempo de abertura/fechamento (A/F) será de 120 seg. (Analógico).

Controle de acesso

A Central de Comando Serial possui, incorporada na placa, o driver de comunicação serial RS-485 para interface com um PC.

Em uma única rede RS-485 (um par de fios do cabo categoria do tipo 5 cabo azul), até 64 placas de comando endereçáveis.

O método de comunicação baseia-se em “pergunta” (PC - software) e “resposta” (central de comando).

Na rede RS-485, o fluxo de informações é inicializado pelo PC (Mestre) e respondido pela central de comando endereçada (Escrava).

Pelo software gerenciador do controle de acesso (PC - software), podem-se enviar para a central de comando endereçada (escrava) comandos do tipo: Abrir, Fechar, Parada, selecionar modo Automático ou Semi-Automático e regulagem da força do motor (embreagem). A central de comando endereçada, ao receber uma requisição “pergunta” do PC (mestre), irá responder com informações contendo o status do portão (Fechado, Semi-Aberto, Ciclo de Abertura, Ciclo de Fechamento, Temporizando a Pausa para fechamento automático, Aberto ou Power-On-Reset), tempo que falta para o fechamento automático e o Código do Transmissor RF 433,92MHz que está sendo recebido pela central no momento do envio das informações para o PC (mestre). Configuração serial: Velocidade: 4800 bps. Nº de bits: 8 Stop-Bit: 1 Paridade: Nenhum Cabo de rede: CAT-5. Distância máxima entre PC (master) e última placa na rede RS-485: 800mts. Topologia da rede RS-485: Tipo Daisy-Chain ou Barramento. Esquema de ligação serial RS-485 entre o PC (mestre) e as centrais de comando: a) Rede RS-485 do tipo DAISY-CHAIN (RECOMENDADO) b) Rede RS-485 do tipo BARRAMENTO (ACEITÁVEL)

ESQUEMA ELÉTRICO


esquema elétrico de ligação da central facility universal